Blog Luposeli

- Artigos

Quando fazer a primeira aplicação de flúor em crianças?

Embora os cuidados com a dentição da criança devam começar já na fase da gestação, uma dúvida muito comum entre os pais diz respeito à aplicação de flúor nos dentes dos seus filhos, independentemente de serem bebês ou crianças maiores.

Para esclarecer essa questão, é preciso compreender que os dentes tornam-se vulneráveis à ação da placa bacteriana assim que nascem. Portanto, a primeira utilização de flúor por crianças deve ocorrer logo após o nascimento dos seus primeiros dentinhos de leite, fase esta em que deve ser iniciada a higiene oral do bebê.

Para realizar essa limpeza, é importante que os pais sejam orientados por um odontopediatra, que é o profissional especializado em cuidar da saúde bucal da criança durante todas as etapas do seu desenvolvimento. É ele quem indicará a quantidade exata de uso do flúor, um elemento potente que atua na prevenção/redução da cárie.

O flúor presente na saliva (após o uso de produtos fluoretados, como pasta de dente e bochechos) se concentra nos dentes em formação, ajudando a combater os microrganismos produtores de cárie e a fortalecer o esmalte da superfície, favorecendo a formação de cálcio e potássio. No caso das crianças, tal ação inclui tanto a proteção aos dentes de leite quanto aos dentes permanentes que ainda estão por nascer. No entanto, esse elemento deve ser ingerido/utilizado na dosagem correta para as necessidades infantis, a fim de evitar os efeitos colaterais decorrentes do seu excesso (a chamada fluorose).

 

Quais as maneiras pelas quais o flúor pode ser usado/aplicado?

dente fluor crianca escova

De modo geral, o flúor pode ser ingerido de diferentes maneiras, entre as quais se encontra a distribuição da água de abastecimento público.

No Brasil, a chamada fluoretação (a associação de flúor ao tratamento de águas de abastecimento público) passou a ser lei federal em 1974*. Esta é uma das 4 formas sistêmicas de se absorver o flúor, incluindo-se aí tanto o consumo direto da água quanto o de algum alimento preparado com ela. As outras três possibilidades referem-se ao sal de cozinha, ao flúor adicionado ao leite (iniciativa comum em programas escolares voltados à alimentação) e à sua versão em comprimidos ou gotas (o que equivaleria a uma suplementação, considerada irrelevante pelos especialistas). Porém, é preciso tomar cuidado com a quantidade de flúor ingerida (não se sabe, por exemplo, quanto de sal foi colocado na comida), pois o excesso da substância pode provocar diferentes graus de fluorose dental.

Em todos esses casos de ingestão sistêmica (por parte do organismo como um todo), além do aumento transitório da concentração de flúor salivar, o flúor ingerido é absorvido e, do sangue, retorna à cavidade bucal pela secreção da própria saliva.

No que se refere à sua aplicação tópica (local), ele pode ser utilizado por meio de pastas de dente, bochechos ou procedimentos realizados por cirurgiões-dentistas ou pelos seus auxiliares. Essa aplicação também é importante para a saúde bucal das crianças, sendo que o uso de pasta de dente fluoretada já costuma ser o suficiente para elas.

 

Quais os cuidados específicos em relação ao uso do flúor aplicado a crianças?

 

Uma das principais recomendações em relação ao flúor aplicado a crianças é que ele não seja engolido – daí a importância de ensiná-las a cuspirem desde cedo, ainda que a ingestão ocasional não desencadeie consequências sérias. Mas a sugestão de muitos especialistas é que, no caso de ainda não terem aprendido a cuspir (até os 4 anos de idade, aproximadamente), a pasta de dente utilizada não contenha flúor, sendo que os pequenos poderão utilizar o creme dental fluoretado algumas vezes, desde que sob a supervisão dos adultos.

Outra recomendação da Associação Brasileira de Odontopediatria** (ABO) é que a quantidade de pasta de dente fluoretada colocada na escova seja pequena. A concentração de flúor no creme dental deve ser de 1.100 PPM (partes por milhão), e a ação de colocá-lo na escova da criança é de responsabilidade dos pais.

Ainda de acordo com a ABO, bebês devem receber uma quantidade de pasta equivalente a 0,05 g (corresponde à metade de um grão de arroz cru), crianças que não sabem cuspir devem receber 0,1 g (1 grão de arroz) e aquelas que já aprenderam a cuspir devem receber 0,3 g (1 grão de ervilha).

pasta escova quantidadeTanto para os bebês quanto para as crianças, há apenas dois momentos para escovar os dentes com pasta fluoretada: após o café da manhã e na última refeição, antes de dormir.

Para quem quiser saber mais, basta entrar em contato com a Luposeli e agendar uma consulta com o nosso odontopediatra. Assim, papais e mamães poderão esclarecer as suas dúvidas a respeito deste e de outros assuntos sobre a saúde bucal da criança, que deve receber todos os cuidados dos adultos para sorrir sempre e sem qualquer preocupação.

 

*Dados extraídos do Guia de Recomendações para o uso de Fluoretos no Brasil, publicado pelo Ministério da Saúde em 2006. Disponível em http://cfo.org.br/livro_guia_fluoretos.pdf. Acesso em 8 dez. 2014.

**Disponível em http://abodontopediatria.org.br/orientacoes_aos_pais…
Acesso em 8 dez. 2014.

Comentários (5)

  1. Luposeli Odontologia - 19 Dec, 2014

    Olá, pessoal!
    Fiquem à vontade para fazer comentários sobre o que acharam do artigo e/ou para fazer perguntas!
    As respostas serão sempre enviadas via e-mail para todos vocês.
    Para agendar uma consulta ou tirar dúvidas rapidamente, ligue:
    (11) 2888-8666 / 2925-2035.
    Att.,
    Equipe Luposeli

  2. Marcia - 27 Jun, 2015

    Gostei do artigo e gostaria de tirar uma dúvida.
    Recebi um bilhete da escola do meu filho informando que, será realizado uma aplicação tópica de fluor como preventivo da cárie. A pergunta é, meu filho tem 2 anos e 6 meses esse tipo de aplicação é recomendavel? Meu receio é que ele come pasta de dente e se fizer o mesmo com o fluor poderá ter ploblemas?
    Obrigada pela atenção

  3. laura - 03 Apr, 2016

    Gostaria de saber desda minha gravidez tomo agua de poço e agora minha filha com 1Ano e 10meses tb so toma essa agua gostaria de saber se e preciso fazer aplicaçao de fluor ou pasta com fluor.agradeço desde ja a atençao

  4. Fabricia Araújo - 30 May, 2016

    Boa noite!Meu filho ainda não completou 4 anos e uso creme dental sem flúor. A creche do meu filho irá fazer a aplicação, e pediu minha autorização. Ele pode usar?

  5. Luposeli Odontologia - 19 Apr, 2017

    Olá, pessoal!
    Fiquem à vontade para fazer comentários sobre o que acharam do artigo e/ou para fazer perguntas!
    As respostas serão sempre enviadas via e-mail para todos vocês.
    Para agendar uma consulta ou tirar dúvidas rapidamente, ligue:
    (11) 2888-8666 / 2925-2035.
    Equipe Luposeli

Comente